Como ter um cabelo mais natural e descomplicado de uma forma não muito natural ou menos complicada

Começou com um fogo no rabicó aos 12 anos de idade quando eu percebi que calças largas, camisetas promocionais e cabelo na cintura amarrado com chuquinha de pano me deixavam com cara de crente.

Decidi cortar. "Tia, passa a tesoura aí, sem-dó-ó". Aos 15 eu chorava todos os dias e fazia todo tipo de experimento que prometia meu cabelo de volta, além das químicas para alisá-lo. Só aos 24 parei de usá-las.

Então veio o ano de 2013 e com ele a moda de ter o cabelo enrolado de volta, que pegou toda uma geração que lutou para ter os cabelos lisos à base do ferro de passar, antes das chapinhas serem acessíveis.

E como costumo ser sempre a primeira gostar de alguma coisa quando ninguém mais se importa e a última à de fato, usar/experimentar/conhecer o objeto citado, quando ninguém mais se importa também, decidi voltar a usar o cabelo natural, não sem antes tentar um estilo que nunca usei: curtos. Somada a dose extra do fator vai dar merda, tomei fôlego às 19hs da noite e só soltei o ar às 20hs sentada na cadeira do salão.

Meu pedido: um corte que eu possa usar meu cabelo natural, com minhas ondas. Que eu possa levantar de manhã, tomar um banho e sair, sem me preocupar. Ah, tem progressiva nas pontinhas, tá, então pode meter a tesoura sem dó, meu amor. Será que curto ondulado combina? Ah, eu adoraria um curtinho, aproveita que hoje eu tô ozada, bem.

E ele aproveitou mesmo.


Ao chegar em casa o cabelo já tinha secado e o leaving in endurecido, parecia que eu estava usando um capacete de pelúcia. Na mesma noite eu já estava completamente arrependida chorando meus cabelos de volta. Porque este corte é de fato lindo e moderno, descomplicado e natural... para quem já tem um cabelo liso ou no mínimo, fácil de domar, o que definitivamente, não é, nunca foi e jamais será o meu caso.

E minha mãe e irmã ainda me perguntando por que é que eu havia feito cachinhos no cabelo? Parece que o corte deixou meu cabelo mais propenso a enrolar, ou seja, adeus "ondulado natural".

Ao tentar me livrar de um problema, arrumei um ainda maior. Ou seja, mais um dia típico na minha vida.

PS: Não estou reclamando do trabalho do profissional, afinal, ele (o Jonas), é muito bom e fez o que eu pedi, apenas manifestando da minha forma dramática minha propensão à fazer sempre as escolhas mais erradas, baseada no meu bom senso de merda.

Acho que seco ficou aceitável :)

Tomei vergonha e tirei uma foto decente.

Curta a fã page do Penso. Me siga no Twitter.

6 comentários:

  1. Day, eu adorei o seu cabelo novo! Se você não gostou muito ao estilo "capacete de pelúcia" (ri demais com esse termo... hahahaha), faz algo que deixe ele menos volumoso e tal. Mas assim, curtinho, ficou bem melhor, mais charmosa. ;)

    Beijo!

    Sacudindo Palavras

    ResponderExcluir
  2. Esse é o drama de quase todas as pessoas q tem o cabelo liso ondulado. Não segura no lugar quando se corta! rsrsr... sofro do mesmo mal. Mas, adorei! porque mais leve Day, deu outra cara em vc e isso pode ser bom. Só pense: Daqui 3 meses tudo volta ao normal. bjooo

    ResponderExcluir
  3. Ri muito.... Vc chegou em casa parecendo um poddle voltando da tosa.....

    ResponderExcluir
  4. Ri muito.... Vc chegou em casa parecendo um poddle voltando da tosa.....

    ResponderExcluir
  5. Eu to com essa birra de cara-de-crente agora, haha. Tá comprido, sem corte, cor natural de sempre </3 Tô lôca pra pintar, mas e a coragem, cadê?
    Achei teu cabelo assim pelo ombro um amor ♥ eu costumava não gostar desse comprimento, mas depois que eu percebi que é o mais versátil, mudei de ideia.
    Já tive a OZADIA de passar de um cabelo enooorme de gigante pra curtíssimo (leia: nem consigo amarrar) só cortando sozinha na frente do espelho. E ficou legal ♥
    Se der tudo errado é só esperar crescer, haha. Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Eu achei que ficou bom assim :) as vezes é só questão de se acostumar...
    Meu cabelo tá grande agora e estou pensando seriamente em cortar bastante... mesmo eu adorando ele grande, é vamos ver se eu acordo um dia ozada assim.. haha :D

    ResponderExcluir

O que você achou deste Post?
Deixe sua opinião.
Obrigada pela sua visita!