Os Planos para Sair de Casa - Ou Não.

Praticamente todo adolescente já teve aquela vontade absurda de sair de casa para morar sozinho. Já eu sempre preferi o aconchego da casa da minha mãe. Talvez esse seja o momento certo de revelar que eu não arrumo uma cama há anos (podem falecer de inveja).


Então agora todos entendem o porquê eu nunca quis sair de casa. Mas em compensação, quando comecei a ter esta vontade, fiz uma lista de possíveis lugares que eu alugaria e os móveis que eu compraria. Montei - na minha cabeça - a rotina que eu teria e organizei meu orçamento mensal. Porquê não seria eu se não fizesse este tipo de coisa.

Então, olhando sites por aí, eu notei que os preços dos aluguéis estão cada vez mais caros por lugares cada vez mais detonados. São lugares mal acabados, velhos e feios por preços absurdos. Se o lugar for mais arrumadinho, o preço é mais exorbitante ainda.

Aluguel R$ 1.700, + Condomínio R$ 500,

Daí você imagina que o que pagaria de aluguel por algo que jamais será seu, poderia ter investido em um financiamento de algo que será seu. Daí você descobre que os preços de um imóvel para comprar, ainda que na planta, exige que você ganhe na loteria antes. 

E tudo o que eu queria era viver uma vidinha low cost e independente. Mas morando perto do metrô, é claro. É a única exigência. Não que eu precise de um apartamento alto padrão no Jardins. Uma kit na Bela Vista é mais acessível e muito mais a minha cara. 

Mas mesmo uma Kit nas ruas fedidas do Centro está custando caro demais. Compensa mais morar com a mãe, numa casa distante e simples, porém nossa, do que pagar o que não tenho pra uma vida que os outros esperam que eu tenha. 

E juntar o dinheiro que eu pagaria no aluguel durante 30 anos para comprar a minha casa com varanda e jardim, perto do metrô. (No fundo esperando ficar rica no meio do caminho e antecipar os planos).


Mas esta sou apenas eu sendo dramática e pensando alto.

Ps: Estou adorando usar gifs nos posts, espero que não se incomodem. Coisa de blogs antigos, estou atrasada mesmo.
Curta a fã page do Penso. Me siga no Twitter.

4 comentários:

  1. Conheço uma amiga que com 18 anos pensou em morar fora com a namorada dela, mas isso foi só pensamento mesmo!

    ResponderExcluir
  2. Tenho 19 e alguns planos pra sair de casa, mas só depois que terminar minha graduação :P Outro dia li em algum site um artigo em que o economista comparava duas situações: financiar o apartamento x, ou pagar aluguel no apartamento y e ir juntando o dinheiro. No final, em termos financeiros, compensava mais alugar e ir juntando o dinheiro para comprar o apartamento. Claro que é uma análise bem simples da situação, mas aponta um novo ângulo para ser analisado. Os imóveis aqui em SP estão caros demais, não importa o tamanho nem a localização, só sendo ryyyyyca mesmo ou com muito planejamento a longo prazo pra ter coragem de financiar.

    Beijo,

    ResponderExcluir
  3. Acho que vc está super certa de morar com a sua mãe enquanto ainda não pode comprar uma casa para vc...Eu jamais teria saído da casa da minha mãe só por sair, mas como meu noivo alugou o apê para nós, eu fui morar com ele, mas se dependesse somente de mim, preferia ajudar minha mãe em casa do que jogar mensalmente dinheiro fora com aluguel..
    Porque cá entre nós, é bem isso que acontece, o dinheiro do aluguel é um dinheiro perdido...meu noivo paga o aluguel e o financiamento do apê que está sendo construído, o preço é o mesmo, mas ele diz que só sente dor no coração ao pagar o aluguel..compreensível né!
    Mas se eu fosse vc, faria a mesma coisa...fora que a casa da mãe é a casa da mãe né, melhor lugar do mundo! =P

    ResponderExcluir
  4. Ah, curtiu a parada de morar do metrô hãaãn

    ResponderExcluir

O que você achou deste Post?
Deixe sua opinião.
Obrigada pela sua visita!