Que Homem Resistiria?

É, o teste de fidelidade voltou à TV comandado pelo João Kleber. Mulheres lindas sendo colocadas para testar homens casados / comprometidos. "Que homem resistiria?" - Disse uma amiga minha. "Qualquer homem nesta situação não resistiria, talvez alguns poucos, raros, mas a maioria não resistiria. Eu jamais colocaria meu marido nesta situação, é pedir para ser corna em rede nacional."



Eu ouvi estas palavras e sinceramente senti pena. Voltei a reflexão de uma velha teoria que mantenho: algumas pessoas estão acostumadas a sofrer. Sim, algumas pessoas estão tão acostumada ao sofrimento que já se habituaram à traição, à falta de caráter, ao desrespeito. Isso é que chamo de banalização da afetividade e moralidade.

Não vou cagar regras do que é certo ou errado, porém há algo dentro de cada um de nós que serve como um mediador natural e ele chama-se moral. Eu não mato apenas porque irei presa e sim pois a minha moral humana me impede de matar alguém, mesmo que não existisse punição para tal ato.

Dito isto, acredito que ainda existam pessoas que se mantém fiel em um relacionamento (se isso tem a ver com moral para você ou não, eu não me importo, para mim tem) e que valorizam coisas que vão além de um corpo escultural e prazeres momentâneos.

Pode ser que seja mesmo raro, mas colocar todos os homens no mesmo patamar é injusto. Não sei em que momento da existência humana as pessoas começaram a acreditar que homem é tudo igual e que as mulheres são complicadas. Há pessoas e pessoas.

Há mulheres tão acostumadas a sofrer que tentam de toda forma "não dar motivos para ser traída". Ou seja, não é o seu companheiro que precisa te oferecer o mínimo de respeito e sim você que precisa provar que merece respeito?

Homem que usa o discurso de que homem que é homem não nega uma gostosa esfregando a bunda na sua cara são homens fracos que se escondem atrás de uma velha desculpa para justificar sua falta de caráter (ou filhadaputice). E mulher que precisa testar seu marido seja na TV, seja criando perfil fake no facebook, ou de qualquer outra maneira criativa, é porque sabe mas tem medo de admitir que ele é infiel. É só um modo doloroso de provar algo que você já sabe.

A propósito, todo mundo sabe que o teste de fidelidade é fake.
Já curtiu a fã page do Penso? Então clique aqui e dá uma curtida linda e cheia de amor, pois lá eu posto coisas diariamente! E também me siga no @PetitDay !

10 comentários:

  1. Fake ou não, a parada fica toda engraçada!!!

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente com tudo o que vc disse! Sempre achei ridículo esse negócio de teste de fidelidade...imagino mesmo que seja fake, mas ainda que não fosse, não acho justo também colocar todos os homens no mesmo patamar de filhadaputice, temos que ficar espertas, é fato, mas viver esperando decepção ou traição é realmente coisa de quem está "acostumada a sofrer".
    Bjooos

    ResponderExcluir
  3. Dayane, faz tempo que não passo por aqui.
    Este teste de fidelidade, confesso que não assisti, não costumo assistir tv aberta, porém, muitos que assistem comentam e dizem que é tudo combinado mesmo.
    Combinado ou não, a ideia é tosca. Até porque ficar de corno em rede nacional é um mico extremo.
    Você mencionou os homens, mas há mulheres, inclusive li em um blogue de uma feminista há umas semanas atrás, onde a blogueira conta ser casada mas que não é contra os relacionamentos paralelos, que pessoas fazem muito mimimi (claro, ela não se expressou assim exatamente, estou fazendo o relato do que li com minhas palavras) em torno do termo traição.
    Há pessoas e pessoas realmente.
    Eu não considero o ser humano muito digno de confiança, independente do gênero, no entanto, acho que se for pra ficar em um relacionamento onde a paranoia prevalece, melhor cair fora. Estas pessoas são como hipocondríacos, tanto procuram pela doença que um dia ela vem de encontro.

    ResponderExcluir
  4. Concordo com cada linha do que você falou, Day. Acho que não trair não tem a ver com o grau de beleza da pessoa que dá em cima da gente, mas sim por uma questão de caráter, de moral, de vergonha na cara mesmo, de consideração pela pessoa que a gente namora. Eu acho MUITA sacanagem um cara trair e dizer que justificar com um "sou homem, não resisto a tentações". Acho que quem trai, deveria ser traído num futuro próximo, pra saber o quanto dói. hahahaha

    E esse programa é MUITA comédia. Eu assisti uns vídeos dele no Youtube e são muito engraçados, mas nota-se que todos ali estão atuando. Eu ainda quero crer que uma pessoa não vá até uma televisão pra provar que é corno ou não. Senão seria o fim da picada...

    Um abraço, Day!

    Sacudindo Palavras

    ResponderExcluir
  5. Oi Flor!!
    obrigada pela dica do vídeo...achei muito bom! E começo até a desconfiar que eu e essa menina somos filhas do mesmo pai, rsrsrs, nunca vi alguém com um pai TÃO igual ao meu, juro que até dei risada conforme ela ia descrevendo as situações, excelente..e talentosa a garota!
    bjinhosss

    ResponderExcluir
  6. PS: vc também não pensa em fazer vídeos? Com suas idéias aposto que ia bombar!!
    =P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk eu não! Morro de vergonha! ah, quem sabe um dia né :p

      Excluir
  7. Oi Day, também jamais faria isso, homem é homem e sempre será!
    Essas mulheres estão implorando para ser corna, só isso, e sofrer também.
    Detesto esse programa, inútil.
    E o pior é que o povo curte o tal do barraco né?

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  8. Na verdade, esses programas tem a cara da apelação, coisa de TV que tá mal das pernas. Como você diz mulheres bonitas e sedutoras, o tipo que eles nunca tiveram a oportunidade de ter, claro, caem na hora! Eu também não submeteria alguém pra provar amor por mim a esse tipo de provação, enfim, sabe Deus se não rola um cachê pra rolar os quadros e convidados. Mas esse programa existiu há um tempo e voltou, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, passou ha alguns anos e voltou agora.

      Excluir

O que você achou deste Post?
Deixe sua opinião.
Obrigada pela sua visita!