Filme: Coisas belas e sujas.

Vou voltar a escrever dos filmes que eu recomendo aqui, pois não consegui dar continuidade ao blog Cineterapia.

Faz alguns meses que eu, passeando por uma Saraiva me deparei com essa capa ali ao lado, que de cara me interessou. Uma por ter a linda Audrey Tatou (O fabuloso destino de Amelie Polain, Coco antes de Chanel),Chiwetel Ejiofor (2012), e Michael Sheen (Anjos da noite, a saga crepúsculo, Meia noite em Paris). Audrey esta linda e brilhante como sempre. Ejiofor é muito talentoso e tem fortes expressões faciais. Só não encontrei o Michael Sheen nesse filme, não sei se o papel dele é muito pequeno e passou despercebido, ou se ele participou da produção. Fato é que na capa estava lá o nome dele, e MUITO por isso eu quis assistir. Vamos a sinopse:
Okwe(Chiwetel Ejiofor) é um nigeriano que vive ilegalmente em Londres, e encontra um coração humano no banheiro do Hotel onde trabalha. Senay (Audrey) é uma Turca também irregular em Londres, que trabalha no mesmo Hotel que Okwe e dividem um apartamento. Okew descobre que o órgão que encontrou faz parte de um sistema ilegal de venda de órgãos no Hotel onde trabalha, e não pode avisar a polícia por estar ilegal no país, ao mesmo tempo que tenta ajudar a amiga Senay a fugir da imigração, o que ela poderá conseguir se aceitar vender seu rim, em troca de uma nova identidade e um passaporte falso para sair do país. Ela poderá ser quem ela quiser, e viver livre onde quiser, em troca de doar seu rim em uma cirurgia ilegal feita de forma precária. Até que ponto vale arriscar a vida pela liberdade?
O filme aborda muitos temas polêmicos, além do tráfico de órgãos, o preconceito e abusos que sofrem os imigrantes, os sonhos destruídos de quem vai à Europa em busca de uma vida melhor. Bonita história, com um final bem legal. Super recomendo.


PS: Não se esqueçam de visitar o Blog Gurias Arretadas, atualizado todos os dias pela Staff talentosíssima: Ana Seerig, Allyne araújo, Bárbara Farias (a Babizinha), Rebeca Postigo, Erica Ferro (a Ericona) e eu...

Curta a Fan Page do Penso aqui e me siga no @PetitDay !

16 leram, refletiram e opinaram:

Ruby disse...

Dayane, a sinopse é interessante.É europeu?

Dayane Pereira disse...

Oi Ruby, apesar da atriz principal ser francesa, se trata de um filme Britânico.
=D

Luna Sanchez disse...

Estive aqui mais cedo, li o post mas a caixa de comentários não abriu...o Blogger anda louco! =\

Não assisti ainda o filme mas a sinopse me chamou a atenção, é o estilo que me agrada.

Anotei a dica.

Beeeeijo, flor.

* Ah, cuidado pra não ser empurrada da escada do shopping, hein? Sabe como é homem enfurecido...rs

หคтнყ disse...

Esse filme se torou um CLÁSSICO (pra mim).
Ha.. eu li a postagem anterior, os gifs ficaram perfeitos, eu ri muito AHHAA.

Quero agradecer a sua opinião no meu blog, *---*
Muito Obrigada Mesmo ^^
E agora decidi (:

http://minhaformadeexpressao.blogspot.com/

Nise disse...

Nunca ouvi falar desse filme. Fiquei muito a fim de assistir.

@iamaburguesinha disse...

Parece ser um bom filme

Clara disse...

:O Que história! Fiquei seuper curiosa, de verdade. Parece meio macabro, mas me atraiu.

Allyne Araújo disse...

uhum! parece ser bom.. vou procura-lo e depois lhe digo.. bjoooo

Clara disse...

Oi flor..Parece um bom filme, no entanto eu fico nervosa em filmes assim. Não gosto muito quando tem "injustiça" sendo feita para algum personagem..tonta né? rsss!

Nossa, quanto ao seu post da volta as aulas adorei, vc falou muitas verdades, morri de rir com aqueles quadrinhos de comparação...total verdade, eu era exatamente daquele jeito...o nem aí..rs...em um dos anos de faculdade tive um caderno tão pequeno que no final do ano estava lotado: de bilhetes, desenhos e jogos de "stop" que eu fazia com as amigas durante as aulas.....rs..dava até vergonha.
Ainda bem q minha nova faculdade é virtual, pois acho q não tenho mais paciência para passar por tuuudo aquilo de novo...rs..foi divertido da primeira vez, mas...
Boa sorte pra vc!
bjinhos

Monique Larentis disse...

interessante. nunca tinha ouvido falar mas com certeza vou pesquisar mais, parece muito interessante :)

Luana Pagung disse...

Ah muito tempo quero assistir esse filme, mas ainda não consegui. Adoro quase tudo que Audrey Tautou faz, acho-a encantadora.

p.s: Obrigada pelo "Feliz (desa)aniversário" lá no blog. (:

Bisous.

Mulher Vitrola disse...

To com esse filme gravado aqui tem eeeeeras e até agora não assisti... foi ótimo você ter opinado sobe ele, me motivou a desenpoeirar ele e finalmente assistir, rs. Um beijo!

Ana Luiza Cabral disse...

Me interessou Day. Suas dicas e a forma como escreve nos seus post sempre é de motivação.

O blog tá lindo. Um beijo no coração, Ana.

musicos e cia disse...

adorei o nome do seu blog..e o conteudo tbm vale a pena!!!! ainda não vi este filme, vamos ver se acho ele....

Ruby disse...

A maioria dos filmes britânicos que já assisti eu gostei.

Alexandre Caetano disse...

O filme é muito bom. Apesar da história se passar em Londres, abre espaço para debater a imigração em qualquer país. Tem uma crítica em www.artigosdecinema.blogspot.com/2014/05/coisas-belas-e-sujas-dirty-pretty-things.html