É Possível Desistir de Amar?



O que pode ser forte o bastante para fazer alguém desistir do amor? O que pode ser tão mais seguro e concreto, que um sentimento?
Porque sempre duvidar, temer, sempre recuar e no momento certo, depois de tanta espera, simplesmente desistir?
Conseguências.
Que conseguência pode ser maior que perder a única chance de ser feliz? Que preço á se pagar pode ser mais caro, que conviver com a dúvida? É possível saber onde a felicidade está, e não ir até ela?
O outro, o próximo, por que pensar tanto nele... E se a sua felicidade depende do sofrimento do outro.. Se a felicidade do outro, custar a sua vida?
São escolhas, apenas escolhas. Escolhas significam caminhos diferentes, estar em uma encruzilhada de olhos vendados, e simplesmente ter de seguir, sem saber o que virá ao próximo passo.
E quando a vida lhe fornece segurança? Quando a segurança de agora, vale mais que a eminência de um futuro certo? Como podemos dizer que enterramos um amor? Pode-se escolher? Temos o livre arbítrio, sim, mas temos o controle dos nossos sentimentos? Será que se acaba com um amor, apenas com a força da palavra?
O que seria forte o bastante ao ponto de fazer um homem desistir?


"Aceita o conselho dos outros, mas nunca desistas da tua própria opinião".
William Shakespeare

Curta a Fan Page do Penso aqui e me siga no @PetitDay !

19 comentários:

  1. Day, fico feliz que tu tenhas obtido inspiração depois de ler um texto meu. Fico muito feliz. :D

    Enfim, por mais que tudo esteja ruim e escuro, o melhor é parar um pouco e reabastecer e seguir em frente.

    Desistir? Bem, só do que não vale a pena e do que nos seja prejudicial.

    Persistência é o que há!

    Adorei o post. Cheio de indagações inteligentes e insistentes em muitas cabecinhas humanas.

    Beijo.

    P.s: E, em relação ao selo, sim: o que vale é a intenção. ;*

    ResponderExcluir
  2. Não sei as respostas para tantas perguntas...rsrsrs..
    Mas, posso dizer que o Coração é uma terra que ninguém anda =/
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Não se desiste de amar. O Amor vem quando quer. e quando a gente não quer. Eu adoro estar livre, e espero que meu coração permaneça assim por muito tempo. Só quero ter liberdade, mais nada.

    E o amor prende. Um preso gostoso, mas q no momento estou dispensando.

    BJÃO

    ResponderExcluir
  4. HAHA, seria ótimo mesmo. Pena que nem tudo é como queremos né.

    Abraço,
    Eduarda.

    ResponderExcluir
  5. que soco no meu estomago isso pq eu to numa situação assim, onde minha razao me manda esquecer e seguir em frente, mas meu coração ta com medo de perder de novo. ta TENSO.

    ResponderExcluir
  6. Quando eu era jovem achava que nunca seria possível desistir de amar através da palavra. Depois aprendi que certos amores não são bons ou são conflituosos em relação ao nosso futuro desejado. Aprendi que a liberdade, às vezes, significa escolher a dor e renuncia. A escolha é sempre resultados das nossas dúvidas, de nossas perguntas respondidas por nós mesmos.

    ResponderExcluir
  7. Desistir do amor é como desistir de
    respirar caraa!!
    Eu sou movidaa por amor
    naum amor de homem e mulher
    mas amor por tudo o que tenho de especial sabes...

    belo blog ^^

    ResponderExcluir
  8. Desistir do amor é como desistir de
    respirar caraa!!
    Eu sou movidaa por amor
    naum amor de homem e mulher
    mas amor por tudo o que tenho de especial sabes...

    belo blog ^^

    ResponderExcluir
  9. Desistir do amor é como desistir de
    respirar caraa!!
    Eu sou movidaa por amor
    naum amor de homem e mulher
    mas amor por tudo o que tenho de especial sabes...

    belo blog ^^

    ResponderExcluir
  10. Nossa... Quantas questões, dúvidas sem respostas e mesmo que hajam se emaranham em outras tantas.

    Se nada é certeza nessa vida, a segurança, o correto, simplesmente, podem deixar de ser amanhã, virando arrependimento e amarguras.

    Ótimo post.
    Beijo
    ;*

    ResponderExcluir
  11. Muito bom!

    O título do post poderia ser
    "para filosofar"

    ;D

    Muitas questões e muitas respostas,
    algumas certezas, algumas dúvidas latejantes.

    Mas desistir de amar... nunca,
    desistir de amar é desistir de viver.

    Abraço,
    O Vivente

    ResponderExcluir
  12. Muito interasante, gostei muito, ótimo blog...

    _________________________________
    Coisas que todo homem deve saber:

    aprendiz-09.blogspot.com
    _________________________________

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Ótimo Texto
    Sucesso com o Blog.

    www.distritovirtual.net

    ResponderExcluir
  15. coloquei o novo episodio da serie Legado no blog...vai la e comenta!

    http://palavrasdofeijao.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  16. O medo é um dos sentimentos que mais impedem de prosseguir de ir em busca daquilo que achamos ser o melhor para nós, seja por perceber que iremos modificar algo que nos importa demais, seja porque qualquer atitude influenciará pessoas a nossa volta... São tantos argumentos do porque desistir... Amor é forte, é magnifico, é porta pra felicidade, mas a felicidade e a força estão lado a lado com a tristeza e a fraqueza... Muita vezes temos forças para lutar, conseguir e ser feliz, mas permanecer nesse mesmo caminho pode ser tarefa complicada...

    Gostei do blog!

    ResponderExcluir
  17. 1º capítulo do seriado Bretânia está no ar!!!

    Dê uma olhada lá e comenta!!


    www.palavrasdofeijao.wordpress.com

    obs: o seriado está reformulado e desde o inicio está diferente....

    ResponderExcluir
  18. refleti muito com teu texto, o medo de amar que tanto me consome e me faz desisti de tudo antes mesmo de começar..
    obrigada de coração .
    beijos

    ResponderExcluir
  19. é tão facil desistir pelas c0oisas que as pessoas nos dizem, colocam em nossas cabeça, e tudo se torna um motivo para não tentar. Por isso devemos pensar por nós mesmos, sentir e não ter medo

    ResponderExcluir

O que você achou deste Post?
Deixe sua opinião.
Obrigada pela sua visita!